fbpx

Por Everton Edvaldo

Leitura Bíblica (Romanos 1.1-7)

Introdução: Ao estudar as Escrituras, podemos identificar Deus chamando pessoas para realizar obras específicas. Como podemos ver neste versículo de Romanos, Paulo foi um dos discípulos de Deus que foi chamado para pregar o evangelho. É importante ressaltar que  existem dois tipos de chamadas: a universal e a específica. A chamada universal é aquela destinada a todas as pessoas. Entretanto, hoje iremos falar acerca da chamada específica: aquela que é particular a alguns cristãos. No meio evangélico, existem muitas dúvidas acerca desse assunto, com base nisso, meu objetivo é responder a três delas. Que o Senhor possa nos abençoar através dessa palavra, e que a sua vida seja edificada.

I- NÃO SEI QUAL É MINHA VOCAÇÃO, O QUE DEVO FAZER?

1.Ore. É o primeiro conselho que dou para quem ainda não sabe. Se você ainda não sabe qual o seu chamado, a primeira coisa a ser feita é orar! Ore, peça a Deus para lhe mostrar! Ele também tem um serviço para você fazer. Algumas pessoas são chamadas desde cedo (como Jeremias). Deus não chamou ninguém para ficar no banco. Deixa Deus te usar, espere, se acalme! O silêncio de Deus também faz parte da sua trajetória… Um dia você vai ser chamado por Deus, ele mesmo se encarregará de lhe capacitar para a obra, e você irá fazer tudo com muito amor e alegria, e o nome do Senhor será glorificado.

  1. Espere e esteja atento. Depois de ter orado com perseverança e frequência, aqui vai outro conselho: espere, espere e espere. Deus pode chamar uma pessoa de várias formas: através de uma revelação, uma profecia, visão, sonho, ou através de um versículo Bíblico. Deus ainda pode colocar um desejo ardente no coração da pessoa. Não fique dizendo: “eu sou tão pequeno” querendo com isso com criar motivos para não trabalhar para o Mestre, pois quando Deus chama, ele: revela, capacita e usa. Diga para o Senhor: “Eis-me aqui!”

II- DEUS JÁ REVELOU MEU CHAMADO, COMO DEVO REAGIR?

  1. A primeira coisa a ser feita é abraçar voluntariamente ao chamado. Abrace o chamado seja ele qual for: Pastor, Evangelista, Presbítero, Diácono, Dirigente de Círculo de Oração, Missionário (a), Professor de EBD, Secretário(a), Dirigente de Campanha Evangelizadora , Cantor, Pregador, etc. Seja qual for, do mais popular ao menos visto, abrace, pois na obra de Deus há muita espaço para servir. Nem toda a chamada é para o Ministério, mas todos os chamados prestam serviços.

2.Tenha responsabilidade. É interessante destacar que quando Deus chama uma pessoa, ele dá potencial, condições e capacidade para desenvolver o chamado. Ao chamar alguém, a pessoa de Deus se responsabiliza sem desprezar a responsabilidade da pessoa humana.

  1. Se prepare. Saiba que quando você se prepara, automaticamente sua vocação tem sido desenvolvida. É preciso passar por essa fase. Todos os homens da Bíblia que foram chamados para uma grande obra, tiveram um um período de preparação e aprendizado. Por exemplo:

-Moisés (Deserto)

-Davi (Campo com as Ovelhas)

-Paulo (Deserto da Arábia)

-João Batista (Deserto)

  1. Honre os seus líderes. Acima de tudo tenha reverência, pois obedecer à liderança é essencial para quem tem chamada. Não queira passar na frente de ninguém. Não precisa querer “aparecer”, deixa Deus te apresentar. A fase do Anonimato também faz parte da chamada. Sendo assim, saiba esperar em Deus, você está sendo moldado por ele.
  2. Por fim, busque viver uma vida de oração e vigilância. Cuidado com as ciladas do inimigo, ele sabe o potencial que Deus te deu. Seja seletivo nas amizades, tenha compromisso e disciplina! Muitos podem até lhe criticar, contudo, faça das críticas e das pedradas uma grande fortaleza! E para concluir: esteja sempre como um atalaia e sempre com disposição para dizer: ” Eis-me aqui Senhor, envia-me a mim.”

III- DEUS ME CHAMOU PARA FAZER A OBRA SOZINHO?

1.Não. É bem verdade que alguns personagens das Escrituras,  viveram uma vida solitária como João Batista, Jonas e outros. Mas quando se trata da obra no corpo de Cristo, o trabalho é em conjunto. Na obra de Deus, todos são servos, e Jesus é o dono da Seara. É o Senhor quem abençoa o nosso trabalho. O apóstolo Paulo escreveu: “Eu plantei; Apolo regou; mas Deus deu o crescimento.” (1 Co 3.6). Certa vez Jesus disse: “Eu sou a videira verdadeira, e meu Pai é o lavrador. Eu sou a videira, vós as varas; quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer.” (João 15.1,5).

  1. Se formos procurar na Bíblia exemplos de homens que foram chamados por Deus, vamos concluir que eles tinham sempre “um braço direito”, ou seja, alguém que “cooperava” com eles. Por exemplo:

Abraão: tinha Eliezer e Ló;

Moisés:  tinha Miriã, Arão e Josué;

Josué: tinha Calebe;

Davi: tinha os 30 valentes;

Elias: tinha Eliseu;

Jeremias: tinha Baruque;

Daniel: tinha Sadraque, Mesaque e Abede-Nego;

Paulo: tinha Timóteo, Tito, Priscila e Áquila, Lucas;

Jesus: tinha os 12 apóstolos e várias mulheres que o ajudavam.

  1. Deus sempre coloca pessoas ao nosso lado para “somar”, ou seja, para nos desenvolver, para segurar nas nossas mãos. Valorize quem está do seu lado, verifique se esta pessoa vem cooperando com a sua chamada, pois o Senhor poderá usá-los a qualquer momento. Seja vaso, esteja disponível, use os recursos que Deus lhe confiou! Abrace, agarre com todas as forças o teu chamado.

 

Conclusão: Que passemos a viver de modo digno à vocação na qual fomos chamados (Efésios 4.1-6), honrando e obedecendo em tudo ao Senhor, para que quando chegar o tempo dele, possamos fazer o nosso serviço com maturidade e fidelidade. Deus abençoe a  todos.